O crescimento económico nos países da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) desacelerou “acentuadamente” para 0,4% no primeiro trimestre, face aos 0,7% do trimestre anterior, segundo as primeiras estimativas divulgadas esta segunda-feira.

De acordo com dados da OCDE, entre as sete maiores economias do mundo, o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB), de janeiro a março, desacelerou “marcadamente” no Reino Unido (para 0,3%, depois dos 0,7% do trimestre anterior) e nos EUA (para 0,2%, face a 0,5% no trimestre anterior).

No mesmo período, o crescimento abrandou também em França (de 0,5% para 0,3%), tendo-se mantido estável, nos 0,2%, em Itália.

Em sentido contrário, o crescimento económico acelerou na Alemanha, para 0,6%, e no Japão, para 0,5%.

Já na União Europeia, o crescimento abrandou “ligeiramente”, de 0,6% para 0,5%, enquanto na zona euro permaneceu estável nos 0,5%.

Em termos anuais, o crescimento do PIB nos países da OCDE estabilizou em 0,2% no primeiro trimestre, sendo que, entre as sete maiores economias, o Reino Unido (2,1%) registou a mais elevada taxa de crescimento anual, enquanto a Itália e a França apresentaram o crescimento mais baixo (0,8%).