O Governo submeteu, esta terça-feira, à Comissão Europeia o Projeto de Plano Orçamental para 2020, onde revê em baixa o défice para 0,1% e "mantém a projeção de 1,9% para o crescimento real do Produto Interno Bruto (PIB) em 2019" e "prevê uma ligeira aceleração do crescimento do PIB para 2%" para 2020.

No Programa de Estabilidade 2019-2023, apresentado em abril, o Governo estimou um défice de 0,2% do PIB este ano e um excedente de 0,3% em 2020. Agora, no projeto apresentado esta terça-feira, os valores são -0,1% para 2019 e de 0% para 2020.

"A revisão de +0,1 pontos percentuais da projeção do saldo orçamental para 2019 (de -0,2% para -0,1%) justifica-se pelo melhor comportamento da receita", explica o Ministério das Finanças em comunicado hoje divulgado.

O ministério liderado por Mário Centeno adianta que, "em 2020, o Projeto de Plano Orçamental prevê uma evolução da receita em linha com o crescimento nominal do PIB, enquanto a despesa pública evolui de forma consentânea com os compromissos políticos assumidos ao longo da legislatura que agora termina".