O PSD quer reduzir em 50% as portagens das autoestradas do interior e do Algarve, através da renegociação dos contratos, e dar incentivos fiscais para que sejam diminuídas as rendas dos estabelecimentos comerciais e de restauração.

Incluir os sócios-gerentes no novo apoio extraordinário aos rendimentos dos trabalhadores, implementar um regime de pagamentos do Estado a fornecedores a 30 dias e manter a suspensão do regime pagamento por conta para as empresas enquanto vigorarem as restrições associadas à pandemia são outras das propostas de apoio na área da economia.

Na saúde, o PSD propõe um programa de recuperação de listas de espera, articulando os recursos do Serviço Nacional de Saúde (SNS) com os setores privado e social, e concretizar a meta que foi definida pelo Governo de todos os utentes terem um médico de família atribuído.

/ DA