Se tudo se mantiver como a esta hora no mercado de petróleo, o valor do gasóleo aumenta meio cêntimo por litro e o da gasolina não se altera na madrugada de segunda-feira, apurou a TVI24.

Esta semana o preço dos futuros do crude – Brent negociado em Londres e que serve de referência às importações portuguesas - voltou a subir, mas pouco e negoceia nos 59,77 dólares o barril, quase igual os 59,08 dólares de há uma semana. 

O petróleo representa quase 20% do preço de referência dos combustíveis em Portugal. Um preço fixado todas as semanas e que dita o valor que depois quem nos vende na bomba cobra. Este é o cenário de fundo para o cálculo do preço de referência dos nossos combustíveis, onde petróleo e impostos definem a quase totalidade do valor.

No início desta semana o Preço Médio de Venda ao Público (PVP) da gasolina simples 95, no Continente, era de 1,489 euros, o valor mais baixo em oito semanas.

gasóleo simples, tinha no dia 12 de agosto um PVP de 1,329 euros por litro, também o mais baixo em oito semanas.

De referir que o sindicato dos motoristas de matérias perigosas e os patrões reúnem-se na segunda-feira para discutir os serviços mínimos na greve ao trabalho extraordinário. A reunião entre o Sindicato Nacional dos Motoristas de Matérias Perigosas (SNMMP) e a Associação Nacional de Transportadores Públicos Rodoviários de Mercadorias (Antram) vai decorrer pelas 15:00 na Direção-Geral do Emprego e das Relações de Trabalho (DGERT).

O SNMMP anunciou  ter entregado um novo pré-aviso de greve para o período compreendido entre os dias 7 e 22 de setembro, mas desta vez só aos fins de semana e trabalho extraordinário.