O consumo de gás natural atingiu o valor mensal mais elevado de sempre em setembro (6.779 GWh), mais 13,3% do que no mesmo mês de 2019, anunciou esta quinta-feira uma fonte da REN.

A mesma fonte precisou que este aumento foi sustentado por crescimentos tanto no segmento de produção de energia elétrica, com 19,5%, como no segmento convencional, que engloba os restantes consumos, com 8,4%.

O consumo acumulado de gás natural nos primeiros nove meses diminuiu 1,5% devido à pandemia da covid-19.

Em anos anteriores o máximo tinha sido registado em julho de 2017, quando o consumo atingiu 6.677 GWh (gigawatts por hora), referiu a fonte, adiantando que esta evolução positiva tem estado a verificar-se desde o início deste ano, quando em janeiro já tinha sido registado um consumo de 6.751 GWh.

Em 2019, o consumo de gás natural totalizou 67,9 TWh, mais 4,8% que no ano anterior e o segundo consumo anual mais elevado de sempre, 2,5% abaixo do máximo, registado em 2017, com o segmento do mercado elétrico, que representou 35% do consumo total, a crescer 4,8% e o segmento convencional a estabilizar com um crescimento marginal de 0,2%.

/ BC