O número de beneficiários do Rendimento Social de Inserção (RSI) atingiu os 214.058 em novembro, mais 1.064 face ao mês anterior, o que representa um aumento de 0,5%, de acordo com dados da Segurança Social divulgados esta terça-feira.

Comparando com o mês homólogo de 2015, houve mais 9.165 beneficiários a receber esta prestação social, uma subida de 4,5%, adiantam as estatísticas do Instituto da Segurança Social, atualizadas esta terça-feira.

A maior parte dos beneficiários reside no distrito do Porto (62.137), seguido do distrito de Lisboa (36.176) e do distrito de Setúbal (18.453).

Relativamente ao número de famílias beneficiárias desta prestação social, os dados indicam que mais 85 famílias receberam o RSI em novembro (96.225) face a outubro (96.140).

Face ao período homólogo do ano passado, registou-se uma subida de 3,2%, passando de 93.132 famílias em novembro de 2015, para 96.225 no mês passado.

As famílias estão maioritariamente concentradas nos distritos do Porto (28.485), Lisboa (16.414) e Setúbal (8.314).

A prestação média de RSI rondou os 111,40 euros por beneficiário e os 252,70 euros por família, acrescentam os dados.

O Gabinete de Estratégia e Planeamento afirma na Síntese de Informação Estatística da Segurança Social que esta prestação social “tem vindo a tornar-se mais inclusiva e eficiente”, como “medida de combate à pobreza extrema”.

Redação / AR