Um voo da TAP de São Tomé para Lisboa, previsto para esta quinta-feira, foi cancelado e remarcado para domingo, alegadamente devido a constrangimentos na realização dos testes à covid-19, segundo a transportadora portuguesa.

Cerca de 30 passageiros tinham viagem marcada para o voo que devia realizar-se às 20:40 de hoje (São Tomé – Lisboa), mas quando na quarta-feira tentaram realizar o teste à covid-19, sem o qual não podem viajar, não o conseguiram fazer.

Uma destas passageiras, a fazer voluntariado em São Tomé, contou à Lusa que no quartel militar onde se realizam os testes à covid-19 lhe foi dito que não os iriam realizar porque não tinham qualquer informação sobre o voo.

Os passageiros tentaram obter informações junto da agência da TAP em São Tomé, onde lhes foi explicado que não existiam reagentes suficientes para a realização de testes à covid-19 para os passageiros dos três voos que a TAP contava operar esta semana.

Contactada pela Lusa, fonte da TAP confirmou que “o voo TP1528, São Tomé-Lisboa, foi cancelado devido à temporária limitação das entidades locais para realização de testes à covid-19”.

Segundo a Transportadora Aérea Nacional, “face a este constrangimento, as autoridades governamentais de São Tomé autorizaram apenas a realização dos voos da companhia ao domingo”.

Por esta razão, “os passageiros da TAP dos voos de hoje cancelados serão acomodados nos voos extra” de domingo, adianta a empresa.

. / CE