A Telefónica e as suas participadas reduziram a sua participação na Zon Multimédia, detendo, atualmente, uma posição global inferior a 5 por cento na ZON.

Em comunicado enviado pela operadora, liderada por Rodrigo Costa, à Comissão de Valores de Mercados Imobiliários (CMVM), «a Telefónica, S.A. vem por este meio comunicar que passou a deter uma participação inferior a 5% do capital social e direitos de voto da ZON MULTIMÉDIA, em resultado da seguinte alienação realizada, no passado dia 20 de Março de 2012, em mercado regulamentado, pela Telefónica e pela(s) sociedade(s) por si diretamente ou indirectamente detida(s), em virtude da existência de uma relação de domínio da Telefónica sobre esta(s) sociedade(s)».

Com a venda da participação direta e indireta, a Telefónica que tinha uma participação de 5,4% na ZON, passou a ter um valor de 4,9997%.

A operadora espanhola já tinha comunicado ao mercado, anteriormente, a intenção de desinvestir na ZON, assim como na Portugal Telecom, onde tem cerca de 2%.

As ações da dona da antiga TV Cabo estão a subir e encontram-se nos 2,469 euros.