O Alverca informou esta segunda-feira que Alex Apolinário, jogador que sofreu uma paragem cardiorrespiratória no decorrer do jogo com o UFC Almeirim, no passado domingo, encontra-se em «estado grave, estabilizado e em coma induzido».

Ao que o Maisfutebol apurou, a situação é encarada como muito complicada. Não só pela resposta que o coração dará nas próximas horas, mas analisando os efeitos que teve a paragem cardíaca na atividade cerebral.

«O FC Alverca Futebol SAD confirma que o atleta Alex Apolinário sofreu uma paragem cardiorrespiratória durante o jogo FC Alverca x UFC Almeirim, dia 03 de Janeiro de 2021. Segundo informações do corpo clínico do Hospital de Vila Franca de Xira, o atleta encontra-se em estado grave, estabilizado e em coma induzido», lê-se no comunicado publicado pelo clube ribatejano nas redes sociais.

O clube agradece ainda a onda de solidariedade que se gerou em redor do jogador e as mensagens que tem recebido «dos quatro cantos do Mundo». «Em nome do FC Alverca Futebol SAD e, particularmente, em nome do atleta e dos seus familiares, agradecemos aos profissionais de saúde e a todos que nos endereçaram mensagens, clubes, atletas, instituições e adeptos de todo o Mundo, que se juntaram a nós numa gigantesca demonstração de apreço pela vida humana. O nosso muito obrigado», lê-se ainda no comunicado do Alverca.

Nuno Travassos