Ivo Vieira, treinador do Estoril, em declarações aos jornalistas após o empate com o Marítimo no Funchal (0-0) para a 12.ª jornada da Liga:

«Primeiro, umas palavras a considerar pela ‘fortaleza’ que o Marítimo quis e conseguiu implementar no seu estádio e nós sabíamos que era uma tarefa muito difícil.

Num campo difícil, contra uma equipa que não perde há um ano e alguns meses neste estádio, acho que o Estoril foi melhor, criou mais situações de golo, acho que teve mais posse de bola e sabe a pouco o ponto somado.

Dominámos o jogo quase por completo. Não permitimos que o Marítimo criasse muitas situações de golo.

É fundamental trabalhar a parte psicológica dos jogadores, fazê-los acreditar naquilo que é a ideia de jogo. Libertá-los para se divertirem e terem o prazer daquilo que é o jogo, que não pode ser um sofrimento.»

Raul Caires / Estádios dos Barreiros, no Funchal