O especialista de mercados financeiros, Warren Buffett, apelidou esta quarta-feira de «Pearl Harbor económico» a turbulência que tem afectado os Estados Unidos.

Em declarações à «CNBC», o investidor, que anunciou que vai aplicar 5 mil milhões de dólares no Goldman Sachs, disse estar ao lado do plano anunciado de 700 mil milhões de dólares para terminar com a crise, que foi anunciado no passado fim-de-semana.

«Era absolutamente necessário», referiu o milionário sobre o plano conjunto do Departamento do Tesouro e do governo norte-americano, referindo que não havia opção e que o sistema esteve mesmo «à beira de colapsar».
Redação / RPV