Portugal defronta a Alemanha no próximo sábado, em Munique, e Bruno Fernandes antevê um grande duelo neste Euro 2020, após a estreia a vencer frente à Hungria.

«Espero ambas as seleções a tentar ganhar. O que acontecerá no jogo é difícil de prever. Um jogo tem muitos momentos, mas o nosso objetivo passa por controlar o jogo, tentar ter o máximo possível de bola e marcar golos para tentar ganhar.»

Questionado pela imprensa alemã sobre a possibilidade de André Silva e Raphael Guerreiro, que jogam na Bundesliga, terem dado algumas indicações sobre a Mannschaft, Bruno Fernandes diz que tal não foi necessário: «Não precisamos de perguntar, porque conhecemos os jogadores alemães. Jogam em grandes equipas. Vi o jogo contra a França e a Alemanha teve algumas oportunidades. Não acho que tenham feito um mau jogo, mas de facto a França é uma equipa difícil de defrontar.»

O médio também jogou à defesa quando a pergunta foi sobre se esta seleção portuguesa é melhor do que a de 2016: «É difícil de dizer. Há cinco anos levantámos a taça. Melhor, não acho que vá ser. Se chegarmos à final e levantarmos o troféu, acho que seremos iguais àquela seleção.»

Depois da conferência e treino desta manhã, em Budapeste, Portugal parte esta tarde para Munique, onde vai defrontar a Alemanha no próximo sábado, no segundo jogo do Euro 2020.

Sérgio Pires / Enviado especial do Maisfutebol ao Euro 2020