Depois de Benfica, detentor do troféu, Sporting e Boavista terem garantido presença na sexta ronda, a par do Oliveira do Hospital (II Divisão B), que eliminou o Moreirense, outras 11 equipas do escalão maior tentam seguir-lhes as pisadas.

Os embates entre formações da Superliga garantem que duas delas, pelo menos, ficarão pelo caminho nesta eliminatória, o que poderá ocorrer hoje se não prevalecerem empates nos encontros de Leiria e Vila do Conde que obriguem a segunda partida.

Segundo a Lusa, a União de Leiria, vinda de uma igualdade com o Marítimo (0-0) no campeonato, em que ocupa o sétimo lugar, recebe um instável Nacional, que esta época já foi derrotado em casa, no campeonato, pela equipa de Vítor Pontes (3-0) e apenas por uma vez venceu em terreno alheio.

Três dias depois de ter imposto ao FC Porto um empate (1-1) que afastou os «dragões» da liderança da Superliga, em favor do Sporting, o Rio Ave, invicto em casa, recebe a Académica, que caiu para o último lugar do campeonato no fim de semana e causará surpresa se eliminar o conjunto orientado por Carlos Brito.

Em Aveiro, o Beira-Mar, que na estreia do treinador Luís Campos foi goleado pelo Sporting Braga (4-1), caindo para o penúltimo lugar da Superliga, recebe o Sporting de Espinho, um «aflito» da Liga de Honra, enquanto o Penafiel, também à beira da zona de despromoção, será posto à prova em casa pelo Maia, um dos candidatos à subida.

Realce ainda para a visita do Vitória de Guimarães, «carrasco» do FC Porto na ronda anterior, ao recinto do Aliados de Lordelo, um dos resistentes da III divisão, e para a deslocação do Sporting de Braga ao terreno do Odivelas (II divisão B), onde já caiu o Gil Vicente.
Redação / Lusa/PGM