Reinaldo Teles faleceu esta quarta-feira, vítima de covid-19. O histórico dirigente do FC Porto morreu no Hospital de São João, onde tinha dado entrada em outubro, com complicações provocadas pela infeção por covid-19.

Reinaldo Teles tinha 70 anos e estava há vários dias em coma. Para trás deixa uma vida dedicada ao FC Porto, ao lado de Pinto da Costa. Entrou no clube portista como praticante de boxe, tendo sido campeão nacional. Mais tarde assumiu funções diretivas na secção de boxe, precisamente, onde Pinto da Costa o foi buscar.

Quando o atual presidente portista foi eleito pela primeira vez, Reinaldo Teles deixou o boxe e assumiu funções de diretor adjunto para o futebol, tendo posteriormente assumido a liderança do futebol quando Telles Roxo morreu. Mais tarde passou a vice-presidente do clube e, com a criação da SAD, assumiu funções de administrador.

Sérgio Pires