Eleito o melhor jogador da Liga em 2019/20, Jesús Corona tem perdido espaço no FC Porto. A menos de um ano de terminar contrato, o internacional mexicano apenas participou em nove jogos - cinco como titular.

O extremo jogou 45 minutos frente ao Santa Clara, foi substituído ao intervalo e assistiu ao dérbi da Invicta na bancada. Corona é uma má dor de cabeça para Conceição? 

«Uma dor de cabeça é uma dor de cabeça», limitou-se a dizer, na antevisão ao encontro frente ao AC Milan, agendado para as 17h45 desta quarta-feira.

Nos dragões desde 2015, Corona jogou quase sempre mais de 40 jogos por temporada. Nas últimas três épocas Tecatito fez sempre mais de uma dezena de assistências, sinais da influência que tem na manobra ofensiva portista. 

Vítor Maia / Olival, Vila Nova de Gaia