O FC Porto não terá Agustín Marchesín e Pepe em Barcelos. O guarda-redes já treina no relvado, está a recuperar bem da operação ao joelho, mas Sérgio Conceição lembra que o argentino «precisa de tempo» para estar em condições de competir. Algo que é bem diferente do conceito de «clinicamente apto». 

«O Marche ainda está num período de readaptação competitiva. Está apto, mas com limitações. Ele é guarda-redes, precisa de trabalho específico, estar à vontade em movimentos rápidos e curtos. Tem de estar completamente bem», resumiu o treinador em relação à condição física do titular da baliza do FC Porto nas duas épocas anteriores. 

Sobre Pepe, o objetivo é claro: recuperar o central para a receção ao Liverpool. Para Barcelos, os centrais continuarão a ser Mbemba e Marcano. Na Liga dos Campeões, é importante lembrar, Mbemba está castigado. 

«O Pepe ainda não está apto», confirmou o treinador dos dragões.

 

Pedro Jorge da Cunha / no Centro de Treinos do Olival, V. N. Gaia