O mea culpa é parcial e decorre de uma análise posterior ao jogo. Sérgio Conceição assume que sim, que depois de rever a goleada contra o Liverpool mudaria algumas opções, se pudesse. 

«Fiz a minha análise e sou muito exigente. Dissequei o jogo até de manhã, com uns cafés. Fiz algumas coisas que não foram o melhor para a equipa, mas isso é agora, depois do jogo. Críticas dos adeptos? São o que são.»

O treinador falou também sobre o Paços de Ferreira, o próximo adversário na Liga. Em mais um jogo importante, e assumiu estar curioso para saber se joga «o Fernando Fonseca, o Jorge Silva ou o Zé Uilton no lado direito», se Baixinho será «um dos centrais» e se o meio-campo terá «Luiz Carlos e Eustaquio». 

«Estou é preocupado com o Paços, agora. Depois do jogo que tivemos na Champions, onde fizemos jogos fantásticos, isso acabou. O futebol é um recomeçar constante, mas é mais fácil quando o ambiente está mais leve.»

Pedro Jorge da Cunha / no Centro de Treinos do Olival, V. N. Gaia