Com 17 anos e três meses de idade, Fábio Silva tornou-se no mais jovem jogador de sempre a marcar pelo FC Porto. 

Sérgio Conceição, ainda assim, não sobrevalorizou o feito, na conferência de imprensa após o jogo. «Não ando atrás de recordes. Ando sim à procura da gestão do grupo de trabalho. Com o resultado mais desgastado demos minutos a jogadores que estiveram parados algum tempo. O Tiquinho saiu para dar lugar do Aboubakar porque estava mais desgastado, se não saía o Fábio. Não o tirei para ver se o Fábio ficando mais 15 minutos em campo se tornaria no mais jovem marcador do FC Porto. O importante foi o pensamento coletivo. Mas obviamente que se juntou o útil ao agradável», afirmou o técnico na sala de imprensa do Estádio Jorge Sampaio, após a goleada por 5-0 sobre o Coimbrões na 3.ª eliminatória da Taça de Portugal. 

Com o golo aos 81m, Fábio Silva fechou a contagem e bateu o registo de Rúben Neves por dois meses. Um golo marcante num palco que bem conhece, já que a casa emprestada do Coimbrões neste jogo da Taça é também o recinto onde joga a equipa B do FC Porto nos jogos da II Liga.

[Artigo originalmente publicado às 22h09 de 19 de outubro]

Sérgio Pires / Estádio Jorge Sampaio, em Vila Nova de Gaia