De um lado, apoiantes do Governo; do outro, a CGTP