Uma equipa da Lusa encontrou duas dezenas de migrantes, da Índia, Nepal e Bangladesh, todos homens e na maioria desempregados, nas traseiras de uma casa apalaçada, no centro de Beja, capital do distrito onde fica Odemira, sujeita desde hoje a uma cerca sanitária devido à elevada incidência de casos de covid-19, sobretudo entre trabalhadores do setor agrícola.