Funcionários e empresários pediram ajuda para sobreviver e dizem que estão a ser responsabilizados pelos contágios da pandemia em Portugal