Trabalhadores e reformados do Millennium BCP estão, esta quarta-feira, em protesto contra a estagnação remuneratória e exigem a devolução na íntegra dos cortes salariais de 2014 a 2017. A manifestação acontece nas instalações do banco no Taguspark, em Oeiras, e coincide com a assembleia-geral anual de acionistas do BCP.