Mette Frederikson visitou esta quinta-feira uma quinta de criação de martas e pediu desculpa pelos erros cometidos na gestão da crise pandémica