A estátua do comerciante de escravos Robert Milligan foi removida na terça-feira do local onde se encontrava há cerca de 200 anos, em Londres, na sequência de uma petição popular e após protestos anti-racismo no Reino Unido