Uma pessoa ficou ferida, esta quinta-feira, ao abrir uma carta armadilhada, na sede do FMI, em Paris. A vítima é uma assistente da direção, que ficou ferida nas mãos e no rosto. Por precaução, alguns funcionários foram retirados do edifício. A polícia judiciária de Paris está a investigar o caso.