O Presidente francês, Emmanuel Macron, e o líder da Organização Mundial de Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, lançaram hoje em Lyon o centro mundial de formação da OMS, considerado “mais necessário do que nunca” com a crise de covid-19.