A presidência de El Salvador divulgou várias imagens de buscas às celas de vários líderes de gangues no país. Segundo a imprensa internacional, o governo salvadorenho acredita que estes líderes, ainda que presos, estão por trás de mais de 50 homicídios ocorridos no país em apenas dois dias.