Seis meses depois dos fogos que devastaram o centro do país, as imagens do dia 15 de outubro trazem a memória do abandono