Foram retiradas do aeroporto de Cabul cerca de 200 pessoas, várias de nacionalidade norte-americana.