A imagem que fica é a de um forte policiamento nas ruas. Uma cidade deserta e com medo, onde se multiplicam as homenagens às vítimas dos ataques de ontem