O corpo da juíza Ruth Bader Ginsburg esteve em câmara ardente em frente do Supremo Tribunal de Justiça dos Estados Unidos, instituição onde a falecida magistrada trabalhou até à semana passada.