Dez dos feridos estão em estado grave. Bombeiros suspeitam que tenha sido utilizado gás lacrimogéneo o que provocou o pânico