Um atentado à bomba matou dezenas de pessoas e feriu mais de uma centena em Cabul, no Afeganistão. O ataque já foi reivindicado pelo Estado Islâmico, que disse ter visado a população xiita