Lula da Silva saiu a pé do prédio do sindicato dos metalúrgicos, em São Bernardo do Campo, em São Paulo, e entrou num carro da Polícia Federal