Presidente da República e ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, foram guiados pelo presidente da câmara de Tondela, José António Jesus. Salamandra incendiou-se na associação cultural e desportiva de Vila Nova da Rainha, provocando oito mortos e 38 feridos.