O ministro da Defesa Nacional, João Gomes Cravinho, afirmou este sábado que os três ramos das Forças Armadas têm cerca de 330 militares envolvidos nas ações de patrulhamento no âmbito da prevenção de fogos florestais.