O Palácio Nacional da Ajuda, em Lisboa, ou a Catedral de Westminster, em Londres, estão entre os monumentos que nunca foram terminados