26.º Congresso do CDS-PP ficou marcado pela despedida da liderança de Paulo Portas durante 16 anos e que consagrou Assunção Cristas como a nova presidente dos democratas-cristãos