"Mandavir" ficou preso num penhasco inacessível durante 15 dias, depois de ter fugido de casa.