A Amnistia Internacional promoveu, esta noite no Porto, uma vigília para "pressionar o governo indiano a terminar com a repressão às pessoas que defendem os direitos humanos, bem como a todos os dissidentes de opinião naquele país".