Após 57 anos com as espingardas automáticas G3, o Exército português apresenta a sucessora