Medo de propagação do coronavírus levou os maiores operadores de telecomunicações, bem como gigantes tecnológicos, a cancelar a presença na maior feira mundial dedicada à área.