Pelo menos 11 pessoas morreram na sequência de disparos de arma de fogo numa escola em Kazan, no centro da Rússia. Um dos atiradores, um adolescente de 19 anos, foi capturado pelas autoridades e um segundo foi morto, avança a agência Reuters.