Embarcação naufragou a 16 de abril de 2014, causando a morte a mais de 300 pessoas, na sua maioria estudantes do ensino secundário