Durante vários anos estudei nas testemunhas de Jeová, mas o que eu e a minha mulher era uma coisa, mas na prática era outra, a minha vida é ser vendedor ainda hoje com 53 anos o faço, andei de terra em terra, conheci muitas pessoas que são testemunhas de Jeová, e que aqui é a verdade, eu agreditei, até um dia que comecei a~não a acreditar, começaram a me pedir diversos produtos e artigos e não pagaram, isto aconteceu na Nazaré, Santarém, Borba etc, estou escaldado em muitos e bons euros que na altura era escudos, até por fim, mentiram em tribunal sobre maus tratos sobre os meus filhos, porquê, porque eu dizer sobre as verdades que se passa sobre as dividas de pessoas dentro das testemunhas de Jeová e foi com essas dividas que fizeran isso, pelas dividas, me fizeram isso, com mentiras ao todo as testemunhas de Jeová congregação mais de 600¿ e ansiões e não ansiões devem mais de 3000¿ compras e não pagas, se fosse a verdade, não faziam o que fazem, pois eu deixei mais a minha mulher de continuar nas Falsas testemunhas de Jeová, Jeová Ele existe, mais não neste sítio, eles quem me fez mal ainda lá estão, se fosse a verdade já tinham sido dessasociados, e um deles o pior deles todos está no Algarve e é ansião, será por ter tido um cargo no estado, não fazam isso pois estão enganar as pessoas que querem saber da verdade sim, mas não é nas testemunhas de Jeová, Jeová é puro, e não quer os seus verdadeiros filhos a roubar, a mentir, e tudo mais, está na Biblia. Assim a verdade e a mentira, e em vez de falarem e fazerem a verdade é a MENTIRA.
Portugal Diário / José Rosa