O corpo de um diplomata russo foi encontrado à porta da embaixada do país em Berlim, reporta o Der Spiegel. O cadáver foi descoberto no dia 19 de outubro, mas só agora se soube da ocorrência.

Segundo o jornal alemão, suspeita-se que o homem terá caído de um piso cimeiro, não se sabendo quais as circunstâncias.

O ministério dos Negócios Estrangeiros alemão confirmou a morte, mas não revelou mais detalhes. De acordo com a BBC, há relatos que dizem que o homem tinha 35 anos e era segundo secretário na embaixada russa.

O Der Spiegel adianta que a Rússia rejeitou a realização de uma autópsia ao corpo do diplomata no mês passado.

Em comunicado, a embaixada russa afirma que foram imediatamente ativados “os procedimentos de repatriamento do corpo junto das autoridades policiais e de saúde, de acordo com as práticas em vigor".

O órgão diplomata considera, ainda, “absolutamente incorreta” a “especulação feita por alguns meios de comunicação ocidentais” sobre a morte do homem.

Pedro Falardo