Segundo os resultados do Bareme Rádio da Marktest e tendo em conta que o carro é o local onde mais indivíduos ouvem rádio hoje em dia, é «particularmente relevante que o tempo médio se tenha mantido próximo das 2 horas diárias ao longo de 10 anos».

Por outro lado, o local de trabalho apresenta uma tendência de subida, reforçando valores já elevados, enquanto que em casa a ligeira descida verificada é bem menos significativa do que outros aspectos, nomeadamente o peso deste local no total da escuta de rádio.

No entanto, «mais de 3 horas a ouvir rádio diariamente ao longo dos últimos 10 anos reforça, com objectividade, a consolidação da relação entre este meio e os seus ouvintes», rematam.
Redação / CPS