Neste último barómetro antes de uma semana de muitos feriados, as notícias andaram particularmente espalhadas, ou, como descreveu o nosso Décio Telo com mais profissionalismo do que eu, foi ‘uma semana marcada por muita dispersão nos destaques noticiosos’.

Fica para perceber porquê, tarefa longe de ser fácil. Dois temas no topo do barómetro têm quase o mesmo destaque: a operação Teia e o futebol. No caso da operação Teia, foram sobretudo as (des)aventuras judiciárias do casal Couto a atrair a atenção noticiosa durante a semana passada. No caso do futebol, as finais da Liga das Nações, a nova competição que pela primeira vez teve lugar este ano e mesmo em Portugal, dominaram os destaques.

Os debates e as discussões dentro e entre os partidos portugueses na onda longa das eleições europeias – mas com uma piscada de olhos às políticas de outubro – seguem no terceiro lugar. Aqui, vemos consolidar-se a afinidade eletiva (ou eleitoral) entre PS e PAN, que já temos visto se manifestar várias vezes durante esta legislatura.

São sempre desta semana os dados, elaborados pelo Centro de Estudos e Sondagens de Opinião – Universidade Católica, que mostram como, se o PS e o PSD são respetivamente primeira e segunda força política em todas as faixas etárias, o PAN é o terceiro partido mais escolhido pelos votantes com menos de 25 anos.

Temos a seguir duas notícias de crónica e, finalmente, no 7.º lugar, a única notícia do barómetro que não tem a ver com Portugal, ou seja, a visita de Trump ao Reino Unido. Assim, se uma consideração geral pode ser feita sobre o conjunto destas notícias é que, mais uma vez, os media portugueses mostraram olhar pouquíssimo para fora de Portugal. Notícias espalhadas, sim, mas bem arrumadas no espaço nacional.

 

 

 

Ficha técnica:

O Barómetro de Notícias é desenvolvido pelo Laboratório de Ciências de Comunicação do ISCTE-IUL como produto do Projeto Jornalismo e Sociedade e em associação com o Observatório Europeu de Jornalismo. É coordenado por Gustavo Cardoso, Décio Telo, Miguel Crespo e Ana Pinto Martinho e a codificação das notícias é realizada por Carla Mendonça com o apoio de Leonor Cardoso. Apoios: IPPS-IUL, Jornalismo@ISCTE-IUL, e-TELENEWS MediaMonitor / Marktest 2015, fundações Gulbenkian, FLAD e EDP, Mestrado Comunicação, Cultura e Tecnologias de Informação, LUSA e OberCom.

Análise de conteúdo realizada a partir de uma amostra semanal de aproximadamente 413 notícias destacadas diariamente em 17 órgãos de comunicação social generalistas. São analisadas as 4 notícias mais destacadas nas primeiras páginas da Imprensa (CM, PÚBLICO, JN e DN), as 3 primeiras notícias nos noticiários da TSF, RR e Antena 1 das 8 horas, as 4 primeiras notícias nos jornais das 20 horas nas estações de TV generalistas (RTP1, SIC, TVI e CMTV) e as 3 notícias mais destacadas nas páginas online de 6 órgãos de comunicação social generalistas selecionados com base nas audiências de Internet e diversidade editorial (amostra revista anualmente). Atualmente fazem parte da amostra as páginas de Internet do PÚBLICO, Expresso, Observador, TVI24, SIC Notícias e JN.