Um agente da PSP da Divisão de Segurança e Transportes Públicos foi vítima de uma tentativa de agressão este domingo, junto à esquadra na estação de metropolitano do Marquês de Pombal, em Lisboa. 

A TVI sabe que o agente estava à porta da esquadra, aguardando por um colega que terminava o serviço, quando foi abordado por um indivíduo que lhe perguntou como poderia apanhar a Linha Azul do Metro. Logo que recebeu resposta do agente, cuspiu-lhe em cima e foi imobilizado depois de ter desferido murros e pontapés ao polícia. Puxou ainda de uma arma branca, uma faca de cozinha com lâmina de dez centímetros, que ainda atingiu o agente mas não o cortou com gravidade.

Depois de revistado, constatou-se que trazia com ele uma pequena quantidade de estupefacientes. Questionado sobre o ataque, disse que tinha investido contra o agente porque os polícias são "racistas e nojentos".