A ministra da Presidência, Mariana Vieira da Silva, anunciou esta quinta-feira, no final do Conselho de Ministros, que subiu de três para 19 a lista de concelhos em risco muito elevado.

Integram este grupo todos os concelhos que nas últimas duas avaliações apresentaram uma incidência superior a 240 casos por 100 mil habitantes. São eles: 

  • Albufeira
  • Almada
  • Amadora
  • Barreiro
  • Cascais
  • Constância
  • Lisboa
  • Loulé
  • Loures
  • Mafra 
  • Mira
  • Moita
  • Odivelas
  • Oeiras
  • Olhão
  • Seixal
  • Sesimbra
  • Sintra 
  • Sobral de Monte Agraço

Quais as regras para estes concelhos? 

  • Teletrabalho obrigatório quando as funções o permitam;
  • Limitação de circulação na via pública a partir das 23:00;
  • Restaurantes, cafés e pastelarias podem funcionar até às 22:30 durante a semana e até às 15:30 ao fim de semana e feriados (no interior, com um máximo de 4 pessoas por grupo; em esplanada, 6 pessoas por grupo);
  • Espetáculos culturais com os mesmos horários da restauração, ou seja, até às 22:30;
  • Casamentos e batizados com 25% da lotação;
  • Comércio a retalho alimentar até às 21:00 durante a semana e até às 19:00 ao fim de semana e feriados;
  • Comércio a retalho não alimentar e prestação de serviços até às 21:00 durante a semana e até às 15:30 ao fim de semana e feriados;
  • Permissão de prática de modalidades desportivas de médio risco, sem público;
  • Permissão de prática de atividade física ao ar livre até seis pessoas e ginásios sem aulas de grupo;
  • Eventos em exterior com diminuição de lotação, a definir pela DGS;
  • Lojas de Cidadão com atendimento presencial por marcação.
Cláudia Évora